PEDREIRO EMBRIAGADO PROVOCA ACIDENTE

O pedreiro A.R.N., 55 anos, foi preso e autuado em flagrante por lesão corporal e embriaguez ao volante após envolver-se em acidente com uma moto. O acidente foi na noite de sábado, na Avenida Artur Ferreira da Costa esquina com a Rua Oiapoque. No acidente ficou ferida V.R., 57 anos, que conduzia uma Biz.

Os policiais que atenderam a ocorrência relataram que o pedreiro conduzia um Crossfox pela Avenida Artur Ferreira da Costa e ao convergir à esquerda na Rua Oiapoque, houve o acidente com a Biz, que transitava no sentido contrário na mesma via. O pedreiro disse que a motoneta estava com o farol apagado, versão negada pela vítima, reafirmando que estava aceso. A melhor sofreu ferimento no braço e perna.

Como os policiais perceberam que o pedreiro apresentava sinais de embriaguez, decidiram fazer o teste do bafômetro. O resultado foi 0,88 miligramas de álcool por litro de ar alveolar. A legislação estabelece que acima de 0,33 mg/l é crime. Por isso, o pedreiro foi preso e apresentado no plantão.

Os crimes de embriaguez ao volante e lesão corporal excedem o limite para arbitrar fiança. Por isso o delegado decidiu manter o pedreiro encarcerado para passar por audiência de custódia.

Antônio Crispim

você pode gostar também