BANDIDOS ASSALTAM RESIDÊNCIA E PM PRENDE AUTOR ENVOLVIDO COM FACÇÃO

Um desempregado de 26 anos foi preso em flagrante na noite de segunda-feira (18) depois de participar de um assalto na casa de uma aposentada de 66 anos e da filha dela, uma dentista, de 31, durante a manhã. O caso ocorreu no bairro Planalto, em Araçatuba.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, as vítimas estavam na residência em que moram, quando a idosa escutou um barulho estranho na área da frente do imóvel. Ela foi até ao local para ver o que estava acontecendo e ao abrir a porta acabou sendo rendida por dois criminosos, um deles fazendo menção de estar armado.

Logo em seguida, os suspeitos invadiram a casa, mas a aposentada gritou e foi nesse momento que um vizinho escutou e estranhou o fato, telefonando para o genro da vítima logo em seguida. No interior da residência, os bandidos fizeram diversas ameaças e começaram a carregar o veículo da família com diversos objetos pessoais.

Alguns minutos depois, o genro da idosa chegou de carro ao endereço e percebeu que havia um homem desconhecido e estacionou o seu automóvel de uma maneira que os bandidos não conseguiriam fugir levando o veículo das vítimas. Ele também aproveitou para acionar a Polícia Militar.

Encurralados, os criminosos desistiram de levar o carro com os demais objetos e acabaram fugindo com seis mil reais em dinheiro e um aparelho celular. Com a chegada dos policiais, o local foi isolado para o trabalho da perícia técnica. Um laudo deverá ficar pronto em até 30 dias para ajudar nas investigações.

Até aquele momento, mesmo após fazer patrulhamento nas imediações, a polícia não conseguiu localizar nenhum suspeito do crime, mas conseguiu imagens de câmeras de seguranças na vizinhança  que mostraram os autores.

PRISÃO

Algumas horas depois, já durante a noite de segunda, outra equipe da PM fazia patrulhamento por uma rua do Residencial Beatriz quando se deparou com um indivíduo que possuía as mesmas características que um dos autores do roubo. Diante disso, os policiais decidiram fazer a abordagem.

Na revista pessoal foram localizados quatro pinos contendo cocaína. O homem viu as imagens do circuito de segurança e acabou confessando a participação no assalto. Ele revelou que ficou com R$ 200 de todo o montante levado na ação.

Na residência do investigado, os PMs encontraram diversos cadernos com anotações de integrantes de uma facção criminosa que age dentro e fora dos presídios do país. O homem acabou confessando fazer parte da organização e inclusive tinha uma carta recebida da penitenciária de Riolândia com uma ordem de execução.

Com as evidências e encontradas e a confissão, o desempregado recebeu voz de prisão e foi encaminhado até a Central de Flagrantes. O delegado plantonista manteve a prisão e o deixou à disposição da Justiça. Após passar por audiência de custódia no Fórum de Araçatuba na manhã de terça-feira (19), o suspeito foi transferido para a cadeia pública de Penápolis, onde deverá aguardar vaga em alguma unidade prisional da região.

A Polícia Civil abriu inquérito para dar andamento às investigações sobre o caso pelo terceiro distrito policial do município, já que o segundo participante do roubo ainda continua foragido.

você pode gostar também