Pela segunda vez, homem é preso por ameaçar a esposa de morte

Um desempregado de 35 anos foi preso em flagrante na manhã de domingo (29) por violência doméstica e ameaça contra a companheira, uma empregada doméstica de 36 anos. O crime ocorreu na residência do casal, no bairro Chácaras Bandeirantes.

De acordo com informações apuradas pela reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL, o suspeito saiu há aproximadamente dois meses da cadeia, onde cumpria pena pelo mesmo crime contra a convivente. Ele teve uma discussão com ela, por motivos desconhecidos, quando armou-se com um pedaço de madeira e uma faca de cozinha e passou a ameaça-la de morte.

A vítima conseguiu fugir e acionar a Polícia Militar. Uma viatura que fazia patrulhamento nas imediações foi até ao endereço, mas não encontrou o autor no local. Em patrulhamento, os policiais localizaram o homem escondido em meio a um terreno baldio. Ele foi abordado e revistado, porém nada de ilícito foi encontrado. Apesar disso, as equipes localizaram o pedaço de madeira e a faca utilizados nas ameaças.

Diante das evidências, o desempregado recebeu voz de prisão em flagrante e foi encaminhado até a delegacia, onde prestou depoimento. O delegado plantonista Marcelo Curi decidiu deixar o autor preso e não estipular fiança a ele. “Mesmo tratando-se de crime afiançável, considerando que não é a primeira vez que o indiciado está sendo preso pelo mesmo delito, contra a mesma vítima com vários antecedentes criminais, deixo de arbitrar a fiança, representando pela prisão preventiva do indiciado”, complementou.

O homem passou por audiência de custódia na manhã de segunda-feira (30) no Fórum do município e depois foi transferido para a cadeia pública de Penápolis, onde aguardará vaga em alguma penitenciária da região. Já a mulher dele não ficou ferida. Um inquérito foi aberto e será encaminhado para a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM).

você pode gostar também