Instituto Pró-Criança tem projeto aprovado pelo Proac

O Instituto Pró-Criança de Birigui é o braço-social do Sinbi e teve um projeto contemplado pelo Proac ICMS, que é a modalidade do Programa de Ação Cultural Paulista, do Governo do

Estado de São Paulo, que funciona por meio de patrocínios incentivados e renúncia fiscal.

O nome do projeto contemplado é “Moda e cultura – conhecimento sem fronteiras”, que tem o objetivo de promover o intercâmbio entre Brasil e Itália. As empresas Adrun, La Femme, Pé com Pé, Sameka, Mimopé, Pitchos, Duck Meias e Grugui são as patrocinadoras, que destinaram seus impostos para o projeto; o Sinbi e Universidade Corporativa do Sinbi (Unisinbi) são apoiadores.

A proposta visa fortalecer o desenvolvimento dos produtos do polo, por meio de troca de experiências sobre o país europeu e, dessa maneira, contribuir no desenvolvimento do mercado da moda regional. Também de incentivar a geração de renda, por meio da capacitação profissional, e inserir novos talentos no mercado da moda.

PROGRAMAÇÃO
Para capacitar, incentivar e conectar a comunidade de Birigui e região ao mundo da moda, serão 60 horas de atividades, de 8 a 11 de maio.

No dia 9, às 14h, haverá uma oficina criativa com os atendidos do Instituto Pró-Criança, com o propósito de gerar interesse das crianças por temas relacionados à moda e criatividade. Também desenvolver nelas um olhar da importância da cultura para a produção da moda, por meio de atividades como desenho, colagem e montagem.

De 8 a 10 de maio, das 8h às 17h, haverá um workshop, aplicado pelo Instituto Europeu de Design (IED Cried), com carga horária de 20h, sobre inovação de produtos. O objetivo é estimular a criação de novas soluções e produtos de maior competitividade local e mundial. No dia 10, o comitê gestor avaliará selecionará e premiará um participante do workshop, que desenvolver o melhor projeto, com uma bolsa de estudos IED (curso livre).

Também em 10 de maio, haverá uma palestra gratuita, às 19h, para compartilhar os conhecimentos e experiências dos participantes do workshop.

O público esperado é de designers, profissionais da moda, estudantes em formação interessados no assunto referente a moda-cultura, identidade-tendências e oportunidades no mercado da moda.

Informações pelo telefone (18) 3649-8000.

Da Redação

você pode gostar também