Araçatuba discute saúde regional com prefeitos e Santa Casa

Na tarde de segunda-feira (23), a prefeitura de Araçatuba recebeu prefeitos e secretários municipais de saúde, vereadores de Araçatuba e representantes da Santa Casa de Misericórdia para discutir Saúde Pública na região.

Com tema “Saúde na Alta e Média Complexidade, a reunião no Salão Azul do paço municipal foi aberta pelo prefeito de Araçatuba, Dilador Borges, e seguiu com apresentação do diretor clínico da Santa Casa, Sérgio Smolentzov, e Flávio José Blaya Martinez, superintendente da Associação da Santa Casa de Misericórdia, que expuseram dados do hospital no tocante a volume de atendimentos e serviços, infra-estrutura e logística, custos e investimentos e a relação financeira com o SUS (Sistema Único de Saúde) e subvenções estaduais e municipais.

Estiveram presentes os prefeitos Euclásio Garruti, de Piacatu; Lenira Maria Silva de Novais, de Rubiácea; Terezinha Aparecida Castilho Varoni, de Coroados; Roberto Carlos da Silva Breseghello, de Gastão Vidigal; Laerte Aparecido Rocha, de Nova Luzitânia; Haroldo Alves Pio, de Santópolis do Aguapeí; Vitor Osmar Botini, de Bilac;

“Discutimos e expusemos nossas realidades e necessidades, bem como ideias para mudarmos a realidade econômica e política para apoiar a gestão de nossos hospitais”, explicou o prefeito Dilador Borges, “Queremos incentivar a mudança de consciência e de ação local e regional, de forma a distribuir com mais eficácia os recursos para nossas instituições locais, visto que nossa população precisa de atendimento mais rápido e de melhor qualidade aqui mesmo, onde as coisas acontecem e onde mais precisamos”, justifica.

Prefeitos manifestaram-se descrevendo seus exemplos de campanhas e eventos para arrecadação de fundos para auxílio aos hospitais de seus municípios e deram suas opiniões sobre representatividade regional em câmaras legislativas estaduais e federal, bem como solicitaram mais informação e abertura com a diretoria da Santa Casa de Araçatuba. “É a primeira vez que fico sabendo de algo da Santa Casa e agradeço por essa explanação detalhada que recebemos. Precisamos dessa contrapartida de informação do hospital, para que tenhamos clareza da situação e, portanto, possamos determinar ações em favor desta instituição”, declarou Laerte Aparecido Rocha, prefeito de Nova Luzitânia.

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

você pode gostar também