Polícia Ambiental aplica quase R$ 500 mil em multas durante operação

A Polícia Ambiental divulgou o balanço da operação “Gênesis”, desencadeada entre os dias 19, 20 e 21 de abril em 43 municípios da região de Araçatuba. Os trabalhos visaram combater a criação ilegal de pássaros silvestres, a venda irregular de carvão e os furtos na zona rural.

De acordo com informações do capitão Marcelo Marques, do grupamento de Birigui, durante a realização da operação foi aplicada a quantia de R$ 486.961,33 em multas por crimes diversos. Durante as vistorias nos imóveis dos investigados foram apreendidos mais de 16 toneladas de carvão, quase sete mil redes de pesca, 167 foram resgatadas, 15 armas de fogo apreendidas, E um foragido da Justiça preso.

Entre as ocorrências registradas, as equipes multaram um morador de Castilho, na região de Andradina, em mais de R$ 200 mil por ter soltado aves silvestres sem a devida autorização dos órgãos competentes.

A operação contou com o emprego de 69 policiais militares e 20 viaturas, incluindo embarcações que fizeram patrulhamento nos rios da região. Os trabalhos abrangeram 186 municípios, sendo 43 deles somente na região de Araçatuba. Outra novidade presente durante a realização da “Gênesis” foi a apresentação do novo fardamento do efetivo policial da corporação ambiental. A nova roupagem mistura tons esverdeados, proporcionando uma camuflagem entre a farda e a vegetação, facilitando o trabalho das equipes nos ambientes em que trabalha, bem como a maior eficácia na prevenção de infrações e crimes contra o meio ambiente.

você pode gostar também