Sete novos ecopontos começarão a funcionar neste ano, afirma secretário

Os sete novos ecopontos previstos para Araçatuba entrarão em funcionamento ainda este ano. Quem garante é o secretário municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Petrônio Lima, que, ontem, comentou os questionamentos feitos na última sessão da Câmara sobre parceria do município com a iniciativa privada para implantação dos locais destinados ao despejo de pequenas quantidades de entulho na cidade. “Eles (os vereadores) sabem do andamento porque todo o processo passou pela Câmara Municipal”, afirmou. “Nossa ideia é colocar em atividade neste ano.”

A discussão sobre os ecopontos ocorreu com a apresentação de requerimento assinado pela Comissão de Meio Ambiente do Legislativo. No documento, os vereadores Márcio Saito (PSDB), Lucas Zanatta (PV) e Beatriz Nogueira (Rede) citam a permuta da Prefeitura com o empresário Silton Diniz, proprietário do supermercado Casa Diniz, cujo objetivo é a construção dos ecopontos. Segundo os parlamentares, têm ocorrido manifestações contrárias da população à medida. E dizem ainda que o último requerimento anterior da comissão não fora respondido pelo Executivo.

Apesar da afirmação do secretário, segundo a qual os parlamentares sabem de toda a tramitação da parceria, a comissão cobra da administração municipal cópia integral do contrato de permuta do poder público com o empresário, acompanhado do projeto de implementação dos ecopontos e do almoxarifado da Secretaria Municipal de Saúde, este também um item previsto na parceria.

Silton Diniz deverá investir cerca de R$ 350 mil na construção dos ecopontos. O investimento ficou acertado como contrapartida a um acordo feito com a Prefeitura, para troca de uma área particular dele com outra do município, para a ampliação do supermercado. A lei que autoriza o município a trocar cinco lotes de terra no Jardim Paulista (2.148,00 metros quadrados) por outra área na Vila Mendonça, foi sancionada pelo prefeito Dilador Borges (PSDB) no final do ano passado.

Petrônio afirma ainda que muitos dos questionamentos já foram respondidos aos vereadores. Um deles diz respeito aos locais dos ecopontos. “Vamos construí-los em todas as regiões da cidade: sul, norte, leste e oeste. Hoje, a cidade tem dois ecopontos. Passaremos a ter nove”, destaca. Os novos locais ficarão nos bairros Vila Alba, Jardim Universo, Ivo Tozzi, Casa Nova, São José, Morada dos Nobres e Vista Verde. Já em um dos dois ecopontos hoje existentes, no bairro Carazza, serão feitas melhorias. O outro ecoponto de Araçatuba, no bairro Lago Azul, continuará como está atualmente.

“Estamos trabalhando para dar uma estrutura boa aos ecopontos, que terão portaria, ficarão cercados…”, destaca o secretário. “E estão sendo feitos conforme todas as normas ambientais”, finaliza Petrônio, ressaltando que a própria secretaria fará a fiscalização das obras. Para o titular do Meio Ambiente, a principal vantagem da abertura de ecopontos em todas as regiões da cidade está na possibilidade de promover a conscientização da população e na prevenção de doenças.

A gestão do prefeito Dilador Borges (PSDB) tem 15 dias para responder o pedido de informações. O  governo ainda terá de esclarecer à comissão parlamentar os critérios para a ordem de implantação dos novos locais de despejo de entulho e enviar os nomes dos fiscais responsáveis pelo acompanhamento das obras.

Da Redação – Araçatuba

você pode gostar também