Mais oportunidade: Guarda Municipal vai abrir concurso público

Depois de anunciar concurso público com mais de cem vagas para a Educação, a Prefeitura de Araçatuba também abrirá ainda neste ano processo seletivo para a contratação de guardas municipais. A decisão ocorre por conta da defasagem dos profissionais, já que vários agentes se aposentaram nos últimos meses ou ainda estão para se aposentar. Outra situação, que tem se tornado cada vez mais comum no município, são os furtos em prédios públicos. Sem guardas, a ronda ostensiva nesses locais acaba não tendo tanta eficiência como deveria.

Somente em 2017, a administração municipal contabilizou 16 furtos contra o patrimônio público. Nos três primeiros meses de 2018, o Executivo informou que seis crimes do mesmo tipo já foram contabilizados. Muitos deles ocorreram em escolas ou creches municipais, além de unidades básicas de saúde. Sem contar também sobre os casos de vandalismo, que trazem mais prejuízos aos cofres da Prefeitura. O mais recente aconteceu na madrugada do último dia 17 de março.

Os vândalos quebraram os vidros de um veículo Fiat/Uno, pertencente à Secretaria de Esportes, Lazer e Recreação e o conduziram até o campo de futebol, abandonando-o em seguida. Na sequência, os indivíduos estouraram o hidrante de irrigação. Um boletim de ocorrência foi elaborado e um inquérito policial aberto para investigar o caso.

“Em se falando de 2018, o prejuízo financeiro é pequeno, pois na maioria dos casos foi furto de botijões de gás e no caso do Estádio Municipal, ocasião em que a ocorrência não foi de furto, mas sim de vandalismo direcionado (dano), houve apenas algumas avarias no veículo”, informou o secretário de Segurança, Antonio Erivaldo Gomes Assêncio.

Em todos os casos, as investigações continuam pela Polícia Civil, mas até agora as autorias são desconhecidas.

CONCURSO

Para o secretário, diante de todo esse cenário e com a aproximação da aposentadoria de grande parte do efetivo dos guardas municipais, a prefeitura vai abrir concurso público para a contratação de novos agentes. “Estamos intensificando as rondas, contudo, nosso efetivo atualmente encontra-se muito defasado. As administrações anteriores deveriam ter previsto que as aposentadorias aconteceriam praticamente juntas. Como isso não ocorreu, no inicio de 2017, começamos tentar a reposição dos aposentados, conseguindo contratar 31 novos guardas, ainda pelo antigo concurso que se encerrou em dezembro daquele mesmo ano”, informou.

Mesmo assim, a medida não foi suficiente. O Executivo já está com o edital de um novo concurso público pronto e espera que até o fim do ano possa contratar, por meio do certame, de 50 a 60 guardas municipais. Um levantamento feito com exclusividade pelo jornal O LIBERAL REGIONAL apontou que o edital deverá sair entre maio e junho. O salário inicial será de R$ 1.193,74.

você pode gostar também