Presença de Judivan, ex-Cruzeiro, no Lanna Drumond marca reapresentação do América

Após carimbar o passaporte para a semifinal do Campeonato Mineiro, no último sábado, o elenco do América se reapresentou nesta segunda-feira. Agora, o Coelho se prepara para encarar o Atlético, na quinta-feira, às 20h, pelo jogo de ida, no Independência. A manhã no CT Lanna Drumond foi marcada pela presença do atacante Judivan, que está próximo de ser oficializado o 12º reforço do clube alviverde na temporada.

O jogador, que será emprestado pelo Cruzeiro até o fim de 2018, realizou avaliações e exames médicos, mas ainda aguarda assinatura de documentos para ser oficializado como mais um reforço do América. Após passar pelo DM alviverde, Judivan foi ao campo e treinou com bola normalmente com os novos companheiros. O atleta, no entanto, não poderá entrar em campo pelo Campeonato Mineiro, ficando apto a estrear apenas no Brasileiro.

No gramado, o técnico Enderson Moreira comandou um trabalho de troca de passes em campo reduzido. Em seguida houve o treino tático, no qual cobrou bastante movimentação dos jogadores.

Os desfalques do dia ficaram por conta do goleiro João Ricardo e do atacante Aylon. Ambos apresentaram dores na coxa direita. Marquinhos e Rafael Moura também foram preservados. O primeiro sofreu uma pancada no joelho direito contra o Boa Esporte, enquanto o segundo passou por exame de CK (que diagnostica a situação muscular), no qual ficou constatado um alto nível de fadiga. De acordo com a assessoria de comunicação do América, todos estes jogadores não preocupam para o clássico de quinta.

Já no departamento médico, boas notícias: o volante Christian, recuperado de um edema no adutor esquerdo, foi liberado e treinou normalmente com bola. Quem segue no DM é o goleiro Fernando Leal, que voltou de empréstimo do Mirassol-SP. O arqueiro se recupera de uma fratura na costela.

O América volta aos treinos nesta terça, também no período da manhã, e encerra os preparativos para o clássico na quarta à tarde. Como ficou melhor colocado na fase classificatória do que o Atlético, o clube alviverde será o mandante da partida de volta, no domingo, às 16h, também no Horto. Como tem a vantagem, uma derrota e vitória com o mesmo saldo de gol garante o Coelho na decisão.

Da Redação

você pode gostar também