Corpo de eletricista morto em batida é enterrado na região

O corpo do eletricista Caio César Silva Pacola, de 26 anos, foi enterrado na manhã de segunda-feira no cemitério municipal de Ilha Solteira. O rapaz morreu em um acidente de trânsito na manhã de domingo (18) na rodovia Gerson Dourado de Oliveira (SP-595), popularmente conhecida como Barrageiros, na altura de Rubinéia.

De acordo com informações da Polícia Rodoviária, a vítima seguia com um veículo Ford/Fiesta no sentido Santa Fé do Sul a Ilha Solteira, quando por motivos a serem esclarecidos, perdeu o controle da direção e bateu de frente contra uma carreta. O jovem sofreu diversos ferimentos, ficou preso às ferragens e morreu no local do acidente. O motorista do caminhão não ficou ferido.

A Perícia esteve no local colhendo informações e evidências que possam auxiliar nas investigações da causa da batida e constatou, preliminarmente, que não havia marcas de frenagem da pista. O laudo pericial deve ficar pronto em até 30 dias para apontar o que pode ter acontecido.

A parte dianteira do automóvel ficou completamente destruída. Houve vazamento de óleo e combustível, mas a situação foi controlada por equipes do Corpo de Bombeiros alguns minutos depois. A via precisou ficar parcialmente interditada para o trabalho de remoção do corpo e dos veículos.

O motorista da carreta passou pelo teste do bafômetro e o resultado foi negativo para embriaguez. O caso foi registrado como homicídio culposo, aquele em que não há intenção de matar. O caso será investigado.

você pode gostar também