Homem morre atropelado na Rondon em Guararapes

Um auxiliar de mecânico, identificado como Claudio de Souza, 54 anos, morreu atropelado na madrugada de domingo (25) na rodovia Marechal Rondon (SP-300), na altura de Guararapes.

 

De acordo com informações da Polícia Rodoviária, uma agente penitenciária, de 36 anos, estava em um veículo Hyundai/HB20 pela via no sentido Rubiácea/Araçatuba quando não teve tempo para frear e acabou atingindo a vítima, que estava andando na faixa da direita da rodovia, na altura do quilômetro 554.

 

Com o impacto, o auxiliar de mecânico foi lançado para o acostamento. Uma ambulância da concessionária que administra a rodovia foi acionada pela autora e prestou os primeiros atendimentos. O homem foi socorrido e encaminhado até ao pronto-socorro da Santa Casa de Araçatuba em estado grave. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu algumas horas depois.

 

A motorista do carro passou pelo teste do bafômetro, mas o resultado foi negativo para embriaguez. Ela foi ouvida e liberada logo em seguida, já que estava com todas as documentações em ordem.

 

Os policiais rodoviários que atenderam a ocorrência encontraram o veículo da vítima, um VW/Gol, parado no acostamento a cerca de 800 metros do local em que o atropelamento aconteceu. As equipes descobriram ainda que ele havia passado por uma praça de pedágio sem pagar poucos minutos antes do  ocorrido.

 

O corpo de Souza foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) e passou por exame necroscópico e toxicológico, para apontar se ele estava sob efeito de álcool no corpo. Depois, foi liberado para o velório e enterro. Um inquérito foi aberto para investigar o caso. Um laudo da Perícia e do IML deve ficar pronto em até 30 dias para auxiliar nos trabalhos de investigação.

você pode gostar também