Templo da Igreja Universal funciona sem vistoria dos bombeiros e alvará da Prefeitura

Os acidentes em igrejas são mais comuns do que se imagina. Um dos mais graves acidentes ocorreram faz 20 anos, quando o teto de templo da Igreja Universal do Reino de Deus, de Osasco, desabou. Foram pelo menos 23 mortos e mais de 400 feridos. Para evitar tragédias como esta, a legislação é rigorosa. É necessário o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros e alvará de funcionamento da Prefeitura. No entanto, a o templo da Igreja Universal do Reino de Deus de Araçatuba, na Rua Marechal Deodoro, não tem o AVCB e consequentemente o alvará da Prefeitura. Por isso a igreja já foi multada. Mesmo assim continuam recebendo centenas de pessoas a cada culto.

O AVCB é o documento emitido pelo Corpo de Bombeiros da Policia Militar do Estado de São Paulo (CBPMESP) certificando que, durante a vistoria, a edificação possuía as condições de segurança contra incêndio (é um conjunto de medidas estruturais, técnicas e organizacionais integradas para garantir a edificação um nível ótimo de proteção no segmento de segurança contra incêndios e pânico.), previstas pela legislação e constantes no processo, estabelecendo um período de revalidação.

No portal do Corpo de Bombeiros consta que o endereço da Igreja Universal do Reino de Deus de Araçatuba não tem o auto de vistoria. Consultada, a Secretaria Municipal da Fazenda informou que a igreja não tem alvará de funcionamento e que por este motivo, foram feitas autuações.

 

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

você pode gostar também