Costa Urbanizadora lança empreendimento em Araçatuba

A Costa Urbanizadora lançou em Araçatuba, na última quinta-feira (8), o Residencial Costa Home. O empreendimento, que faz parte do trabalho de urbanização da região norte da cidade, onde a Costa já tem projeto aprovado para a duplicação de vias, que irão contribuir para o crescimento daquela área.

Com localização privilegiada, o Costa Home está em uma das regiões de condomínios que mais crescem em Araçatuba. O residencial é planejado para a sua família com lotes a partir de 225,75m² com pequena entrada + parcelas a partir de R$ 752,25 direto com a incorporadora. O empreendimento irá contar com diversas opções de lazer, como academia, salão de festas, além de fácil acesso, iluminação, saneamento, asfalto e guias de sarjeta, rede de energia, rede coleta de esgoto, entre outros. No total são 234 lotes.

E para oferecer ainda mais tranquilidade para quem adquirir, o Costa Home conta com plano de segurança que prioriza a privacidade e integridade dos moradores. O projeto prevê uso de equipamentos de alta tecnologia e o funcionamento da portaria durante 24 horas. Seja em casa ou nos espaços de áreas comuns, o morador estará protegido.

“A Costa Urbanizadora nasce em um cenário de grandes investimentos no setor da construção civil em Araçatuba. E, nesse contexto, nossa intenção é melhorar, ainda mais, o que já está no mercado. Nossos projetos, além de contribuir para o crescimento da cidade, irão promover uma nova experiência em morar bem com segurança, conforto, lazer, preços acessíveis em uma das regiões que mais cresce na cidade: a norte”, comentam Mário e Valmir Costa.

URBANIZAÇÃO

Inicialmente, a urbanização da região norte é um dos principais projetos da Costa Urbanizadora, que é detentora de 568.000 m2 de áreas urbanas em Araçatuba. Além de contribuir para a expansão daquela região, a Costa também possui interesse em se consolidar como referência em construção civil, principalmente em empreendimentos horizontais. Tanto, que já iniciou estudo de mercado local para futuros projetos de moradias.

 

DA REDAÇÃO – Araçatuba

você pode gostar também