Prefeitura, Sincomércio e Senac promoverão cursos para capacitação profissional

O secretário municipal de Desenvolvimento Trabalho e Turismo de Penápolis, Enio César Almeida, e o coordenador do Instituto Municipal de Profissões, Reginaldo Bega, participaram de um encontro com representantes do Sincomércio e do Senac – Araçatuba, para discutir a realização de cursos de qualificação profissional em parceria. O intuito é beneficiar a comunidade, de forma gratuita, especialmente as pessoas que buscam a inserção/reinserção no mercado de trabalho.

Segundo explicou Enio, já estão acertados os cursos de Assistente Financeiro e Auxiliar de Serviço Pessoal. Os mesmos deverão ser ministrados na sede do IMP (Instituto Municipal de Profissões), com datas de inscrições e início ainda a serem definidas. Porém adiantou que a realização será no primeiro semestre deste ano.

O secretário informou ainda que solicitou ao Senac a realização de outros cursos, como de Garçom, Açougueiro e Padeiro, porém ainda não é possível confirmar, já que o Senac está analisando a possibilidade de trazer os referidos cursos para a cidade.

“Caso não seja possível realizar estes cursos no primeiro semestre, muito provavelmente eles acontecerão no segundo semestre”, disse ele.
Em breve haverá uma definição e divulgação aos interessados.

Etec Paula Souza
Já na quarta-feira (31) o secretário Enio Almeida participou de uma reunião com representantes da Etec João Jorge Geraissate (Colégio Agrícola), além do prefeito municipal Célio de Oliveira, para tratar da mudança de modelo do convênio entre a instituição e o município.

Atualmente o Colégio Agrícola realiza um curso de Técnico em Administração de forma descentralizada, atendendo uma turma de alunos, porém, existe a possibilidade de que o espaço possa ser aumentado para proporcionar a participação de mais pessoas da comunidade. Isso ocorreria com a utilização de salas de uma escola estadual, com prédio maior e mais salas disponíveis.

Para que isso aconteça é preciso solicitar junto ao Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza (autarquia do governo que administra as Etec’s e Fatec’s do Estado de São Paulo) a mudança do modelo de convênio de 1 – atualmente em vigência – para 2, que permite a utilização de prédios de escolas estaduais.

O prefeito Célio de Oliveira irá marcar uma reunião em São Paulo, com diretores do Centro Paula Souza, para em conjunto com representantes do Colégio Agrícola e da Diretoria Regional de Educação – que já sinalizou a favor da parceria – viabilizar a mudança necessária para expandir a classe.

Da Redação

você pode gostar também