Por segurança, secretaria e Corpo de Bombeiros removem eucaliptos do Bosque da NOB

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Agronegócio (Semea), em parceria com o Corpo de Bombeiros, está realizando o corte e a retirada de algunas eucaliptos existentes no entorno do Bosque da NOB que, devido a idade e tamanho, apresentam risco de queda em área habitada.

A medida foi tomada após os moradores entrarem com pedido de emergência, devido ao estado comprometedor das árvores, que medem cerca de 30 a 40 metros. De acordo com o secretário da pasta, Celso Yamaguti, três unidades se encontram com tronco e galhos apodrecidos e um eucalipto mais alto já está tombado, tendo, inclusive, a raiz rompida e exposta.

“A vizinhança pediu para que fizéssemos o corte e a remoção dessas árvores, temendo a queda que pode ocorrer em área habitada. Pedimos o apoio do Corpo de Bombeiros e, enfim, vamos atender a essa reivindicação”, garantiu o secretário.

Morando há mais de 22 anos no local, a senhora Zilma Monteiro diz que já teve prejuízos por causa dos eucaliptos. “Há alguns anos, uma ventania derrubou um galho e acabou rompendo os fios de energia elétrica da rua. Ficamos dois dias às escuras. Em tempos de ventos fortes e chuvas, não consigo dormir tranquilamente”, disse Zilma.

O Comandante do Corpo de Bombeiros, Jailson Galdino Delgado, informou que o trabalho levará alguns dias para ser concluído, já que a remoção não é simples. “São árvores muito antigas e altas, algumas já estão ocas no tronco. É necessário ter um cuidado extremo para não atingir as residências e a rede elétrica. Também tem o trânsito aqui, que não pode ser interrompido por muito tempo”, esclareceu o comandante Delgado.

A Semea está estudando o destino e o aproveitamento da madeira retirada. Celso Yamaguti alerta à população sobre o caso de árvores com risco de queda. “Se alguém morar perto de árvores que ofereça risco de queda, pedimos que comunique a Secretaria de Meio Ambiente por meio de ofício para que seja tomada a devida providência. É importante que a população não tente retirar a árvore por conta própria, pois além de crime ambiental a pode causar acidentes” finalizou Celso.

Da Redação

você pode gostar também