Classificação preliminar do processo seletivo já está disponível no site da Coreme

A classificação preliminar do Processo Seletivo 2018, do Programa de Residência Médica (PRM) da Santa Casa de Araçatuba, já está disponível às consultas pelos participantes através dos sites da Zambini, empresa organizadora das provas (www.zambini.org.br) e da Comissão de Residência Médica da Santa Casa de Araçatuba (www.coremearacatuba.com.br).

A classificação final será divulgada no dia 22 de janeiro e matrículas da primeira chamada nos dias 14 e 15 de fevereiro. Os candidatos em lista de espera deverão acompanhar a convocação pelo site da Coreme. A convocação para lista de espera começa às 17h do dia 15. As matrículas deverão ser efetivadas no dia 16.

Na temporada deste ano, 128 candidatos de várias regiões do país fizeram as provas, quase 30% à mais em relação ao Processo Seletivo 2017, quando 100 candidatos se inscreveram. A disputa pelas 16 vagas previstas para 2018 foi acirrada: 38 candidatos para as seis vagas de Clínica Médica; 31 candidatos para quatro vagas de Pediatria; 14 candidatos para as duas vagas de Ortopedia e Traumatologia; 14 candidatos para as duas vagas de Ginecologia e Obstetrícia.

A novidade deste ano foi a abertura de duas vagas para Radiologia e Diagnóstico Por Imagem. A disputa pelas vagas desta especialidade foi igualmente concorrida: 31 X 2.

O Processo Seletivo foi realizado no mês de dezembro na FEA (Faculdade da Fundação Educacional Araçatuba) em duas etapas. Na primeira foi aplicada prova com 80 testes de múltipla escolha. Na segunda etapa, os avaliadores realizaram análise curricular e entrevistas dos candidatos.

As atividades para os 16 aprovados serão iniciadas em 1º de março. Com a nova turma, o Programa de Residência Médica da Santa Casa de Araçatuba terá neste ano 32 médicos residentes. No ano passado, o PRM selecionou 16 médicos residentes que estão atuando plenamente na estrutura do hospital.

“Para a Santa Casa houve uma melhora geral no atendimento, pois temos mais médicos atendendo a população de Araçatuba e região, em especial pelo SUS (Sistema Único de Saúde). Notamos ainda um atendimento mais humanizado, já que os residentes permanecem junto dos pacientes e familiares”, explica o coordenador da Coreme, o médico Rafael Saad.

Ensino lato sensu

A Residência Médica na Santa Casa de Misericórdia de Araçatuba é uma modalidade de ensino de pós-graduação lato sensu, destinada a médicos, sob a forma de cursos de especialização. O coordenador da Coreme, explica que “a atividade é caracterizada por treinamento em serviço, com períodos de atividade e orientação determinados pelos supervisores pertencentes ao corpo clínico da Santa Casa de Araçatuba”

Para Saad, o Programa de Residência Médica (PRM) da Santa Casa de Araçatuba “têm como objetivo fundamental o progressivo aperfeiçoamento profissional e científico, bem como de habilidades e atitudes do médico nas várias áreas do conhecimento, visando a capacitação e qualificação que possibilitem o desempenho ético e zeloso da profissão”.

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

você pode gostar também