Exportações de Araçatuba aumentam 72% em relação a 2016

O Ministério do Comércio Exterior, Indúistria e Serviços divulgou nesta semana o resultado da balança comercial do Brasil. Os números de Araçatuba foram satisfatórios, mostrando que o município está desenvolvendo economicamente, com aumento das exportações e das importações. As exportações aumentaram 72,29% e as importações 18,10%. Em 2016, o saldo da balança comercial foi negativo. Já em 2017, foi positivo. Os produtos de origem agropecuária continuam liderando as exportações e importações. A maior esportadora de Araçatuba é a Nestlé.

De acordo com os números divulgados pelo ministério, em 2016, Araçatuba exportou US$ 22.348.365 e em 2017 chegou a US$ 38.505.050, aumento de 72,290. Já as importações foram US$ 28.571.442 em 2016 e US$ 33.74.482 em 2017, aumento de 18,10%. O saldo da balança comercial (diferença entre exportação e importação), em 2016, foi negativo (importações foram maiores), chegando a US$ 6.223.077. Em 2017, o saldo da balança comercial foi positivo. As exportações superaram as importações em US$ 4.763.568. Este foi o melhor saldo positvo desde 2011, quanto chegou a US$ 30 milhões.

PRODUTOS

Os principais produtos exportadores por Araçatuba são derivados do leite (Nestlé), açúcar, máquinas e equipamentos. Também importa alimentos – produtos para a indústria de alimentação.

DESTINO

Os maiores importadores dos produtos de Araçatuba são a Malásia, Estados Unidos, Filipinas, Emirados Árabes Unidos e Índia. Quando aos blocos, a Ásia e Oriente Médio.

ORIGEM

Os maiores exportadores para Araçatuba são os Países Baixos (Holanda), Chile, Estados Unidos, Dinamarca e China.

DIVERSIFICAÇÃO

Ao contrário de outras cidades da região, que têm apenas um grande exportador, Araçatuba tem linha de exportação bastante diversificada, desde derivados do leite, açúcar, máquinas, domésticas, equipamentos. Por isso, são mais de 30 destinos diferentes.

Antônio Crispim

você pode gostar também