MEC diz que Unisalesiano é o segundo melhor Centro Universitário do Estado

O resultado do Índice Geral de Cursos (IGC) do Ministério da Educação (MEC) destaca o Unisalesiano como o segundo melhor Centro Universitário do Estado de São Paulo. O IGC é um indicador de qualidade que avalia as instituições de Ensino Superior em todo o Brasil, distinguindo-as entre universidades, faculdades e institutos federais e centros universitários.

Conforme a avaliação do MEC, divulgada no final de novembro, a primeira colocada é a FECAP – Fundação Álvares Penteado, que conquistou a nota 3.26, apenas 0,01 ponto a mais que o Unisalesiano, que foi avaliado com a nota 3.25. As duas conquistaram conceito 4 em um conceito que vai de 1 a 5. Dessa forma, a instituição católica, que a partir de 2018 oferecerá graduação em Medicina, é considerada excelente.

Para se ter uma ideia da importância desta avaliação as instituições que obtiverem nota inferior a 3, sejam elas privadas ou públicas, não podem se expandir, construir novos campi, abrir cursos ou aumentar número de vagas. Cursos que já estiverem autorizados podem sofrer redução de vagas ou ter processos seletivos suspensos.

CRESCIMENTO

Em 2016 o Unisalesiano ficou na décima colocação no Estado de São Paulo neste mesmo índice, o que torna o resultado deste ano motivo de comemoração para a equipa que administra a instituição. “Agora somos o segundo melhor no território paulista e o 11º em todo o Brasil. Tudo isso graças a uma somatória envolvendo o aprendizado, investimentos em infraestrutura, comprometimento e capacitação dos professores em novas tecnologias”, disse o pró-reitor acadêmico da instituição, André Ornellas.

Para Ornellas, as transformações que ocorreram há mais de quatro anos, como a construção do novo campi e abertura de novos cursos e laboratórios, estão sendo vistas nos dias atuais e refletindo no ensino que é ofertado aos estudantes.

Apenas 17% das Instituições de Ensino Superior do Brasil conquistaram nota 4 no IGC e 66,7% obtiveram nota 3. “E nós estamos entre os 17%”, comemora o reitor do Unisalesiano, padre Luigi Favero. “No Brasil existem mais ou menos 2.500 instituições universitárias e somente 368 ganharam nota 4. A grande maioria, 1.500, teve nota 3. Então, estamos entre as 17% melhores instituições conceituadas pelo MEC no ensino universitário”, finalizou.

FERNANDO VERGA – Araçatuba

você pode gostar também