Originalidade marcará a Decoração de Natal de Três Lagoas este ano

A confecção dos enfeites que decorarão as principais ruas de Três Lagoas em dezembro está a todo vapor. É o que garante o diretor de Cultura, Rodrigo Fernandes, que assegurou originalidade este ano com um projeto simples, porém original voltado à família. A meta, esse ano, segundo o Diretor, é ser autossuficiente.

“A população pode esperar tudo novo, tudo de melhor, tudo simples, mas familiar, com requinte e qualidade. Hoje nós trabalhamos para a família”, ressalva o Diretor.

Rodrigo explicou que diferente do ano passado, a Diretoria está trabalhando para construir ao invés de contratar uma empresa. Isso para não onerar a prefeitura. Cento e sessenta e três mil reais serão investidos na decoração este ano.

“Contratando uma empresa oneraria a Administração e não teríamos o efeito e a qualidade que nós desejamos. No ano passado, R$ 235 mil foram investidos somente na praça, sendo R$ 35 mil só de luz no local. Trabalhando com autossuficiência, esse dinheiro poderá ser revertido para a sociedade por meio de projetos sociais”, explica.

A diretoria tem contado com a ajuda de parceiros como a Agepem para ajudar na confecção dos artigos decorativos. A Associação Comercial e Industrial de Três Lagoas e o Sidvarejo também integram a lista de parceiros que fomentarão as campanhas de Natal com promoções e sorteios.

A inauguração está prevista para acontecer no dia 08 de dezembro. Além da tradicional Casa do Papai Noel e da Árvore de Natal, a população poderá contar com novidades que vão desde enfeites para os moradores do Distrito de Arapuá, uma Cidade do Natal montada na praça Ramez Tebet, até a iluminação que sairá da praça até a igreja Matriz e passará pelas ruas Antônio Trajano. Apresentações de dança e corais estão entre as programações que acontecerão no palco principal este ano.

“Convidamos todos a nos prestigiarem no dia 08 de dezembro. Estamos trabalhando com muito afinco para oferecer o melhor a todos. Não percam porque será maravilhoso”, finaliza o diretor.

Da Redação

você pode gostar também