No dia 20 de novembro, Festa Afro traz reflexão e conscientização

A noite desta segunda-feira (20) foi dia de reflexão, conscientização em respeito à relevância da cultura, povos e origens africanas na cultura.

Danças, capoeira, apresentação de fotos, debate religioso, maquiagem e tranças afro, apresentações artísticas, desfile de belezas negras e um show de pagode marcaram a Festa Afro no Centro Cultural Pioneiros de Andradina.

Organizado em parceria das secretarias de Promoção à Cidadania e Direitos Humanos e de Cultura de Andradina o evento marcou a data que destaca a importância de Zumbi dos Palmares e de outros personagens negros na história.

Em Andradina, de acordo com Lei Municipal n° 3.053/2014 foi instituído no ano de 2014 feriado municipal. Para a coordenadora de Igualdade Racial, Marinalva Pereira, é de suma importância à valorização da cultura e do povo africano que tanto colaborou na formação da identidade nacional.

“É um desafio diário para o empoderamento da comunidade negra na sociedade. A cultura de origem africana colaborou muito, durante toda nossa história, em aspectos políticos, sociais, gastronômicos e religiosos, sendo um dos pilares do que é hoje toda nossa identidade”, comenta a coordenadora.

O secretário de Cultura, Fabricio Carvalho, ressalta que é um momento também de comemorações. “Sabemos que os negros precisam ainda ganhar cada vez mais espaço, mas precisamos relembrar a dedicação, a luta e as conquista de muitos que já conseguiram fortalecer a comunidade afrodescendente”.

Da Redação

você pode gostar também