Policial militar atira em bar durante briga em Araçatuba

Uma briga de bar terminou com tiros disparados por um policial militar durante a madrugada de segunda-feira (20), no bairro São João, em Araçatuba. De acordo com informações apuradas pela reportagem, a confusão começou por conta da namorada do PM.

Três amigos estavam no local consumindo bebida alcoólica. Um deles, que não quis se identificar, disse que estava pegando bebida quando viu a briga começar. “O policial disse que o meu amigo teria tentado beijar a namorada dele, sacou a arma e deu dois tiros no chão”, conta a testemunha.

Já a Polícia Militar diz que os tiros foram acidentais. De acordo com o tenente Tiago Siqueira Machado, o PM não tinha a intenção de machucar ninguém. “No calor do momento, os rapazes deram uma garrafada na cabeça do policial e tentaram pegar a arma dele. Durante o empurra-empurra dois disparos foram efetuados no chão”.

Logo após o ocorrido, uma correria começou no estabelecimento comercial. O policial militar envolvido na briga trabalha no 23°BPMM, no Alto de Pinheiros, em São Paulo e estava de folga. O caso foi registrado como lesão corporal e disparo de arma de fogo. O delegado plantonista apreendeu a arma do policial e estipulou fiança de mil reais. Ele pagou o valor e foi liberado.

A Polícia Militar informou que será instaurado um inquérito policial administrativo para apurar a conduta, mas que o PM não será afastado das funções, já que ele não estava de serviço. O rapaz passou por atendimento médico por conta dos ferimentos causados pela garrafada e passa bem. Os tiros não atingiram nenhum cliente do bar.

OUTRO CASO

Mais cedo, durante a tarde de domingo (19), outra briga terminou com tiros disparados em uma casa de eventos no Centro de Araçatuba. De acordo com o boletim de ocorrência, um homem não identificado pela polícia disparou diversas vezes no interior e fora do local. Os tiros não atingiram ninguém e a Polícia Civil investiga o caso.

 

você pode gostar também