Campanha Natal Solidário conta com todos os segmentos da sociedade

O sucesso da Campanha Natal Solidário, lançada pela Secretaria Municipal de Assistência Social (SAS) de Três Lagoas, no dia 6 de novembro, depende da participação e envolvimento de todos os segmentos da sociedade organizada.

Como ressaltou a secretária de Assistência Social, Vera Helena Arsioli Pinho, “quanto mais empresas, entidades e pessoas participarem e se envolverem nesta campanha de solidariedade, mais famílias carentes e mais crianças terão um Natal mais alegre e feliz”.

É a cidade de Três Lagoas que une forças em torno de um só objetivo, levantando uma só bandeira, a bandeira do bem e da solidariedade”, disse Vera Helena.

“Estamos recebendo adesão de várias empresas, incluindo Bancos, Sindicatos, Ministério Público, Imprensa e outros. Acredito que será uma grande ação com todas as parcerias possíveis e com um só objetivo, o Natal Solidário”, ressaltou a secretária.

CAIXAS DE PAPELÃO

Desde o início, grandes caixas de papelão, identificadas com o cartaz da Campanha Natal Solitário estão sendo colocadas em locais estratégicos de acesso e de movimentação de pessoas para que participem com a doação de brinquedos para as famílias carentes.

Porque, além das Cestas de Natal a serem distribuídas às famílias cadastradas nos Centros de Referência de Assistência Social – CRAS serão também distribuídos brinquedos às crianças dessas famílias.

É um gesto simples, de um pequeno valor (até R$10) na compra de um brinquedo para meninos ou para meninas, mas que demonstra que somos uma grande família e queremos ver todos felizes no Natal”, observou Vera Helena.

Segundo dados da SAS, Três Lagoas possui 5.211 famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família. Desse total, 2.485 famílias “vivem em situação de extrema pobreza”.

Como consta no cartaz da campanha, a arrecadação das doações para organização da distribuição às famílias termina no dia 11 de dezembro.

DA REDAÇÃO – Três Lagoas

você pode gostar também