Polícia Ambiental apreende e armas e carne de animais silvestres em assentamento

Nesta quarta-feira, policiais ambientais apreenderam uma espingarda e um revólver, munição e carne de animais silvestres. A apreensão foi em uma casa no Assentamento Chico Mendes. O morador foi levado à central de flagrantes. Além da multa administrativa de R$ 1.350,00, o agricultor foi autuado em flagrante por posse de arma e crime ambiental. Foi arbitrada fiança de R$ 1 mil. A ocorrência teve a participação do tenente Antônio Carlos e cabo Stringheta, com apoio da guarnição do sargento Fellicio e cabo Sobrinho.

De acordo com os policiais ambientais, durante patrulhamento de rotina na região do Assentamento Chico Mendes, foram informados de que havia um homem que dedicava-se à caça e guardava armamento na residência. Os policiais fizeram cerco ao local indicado. Dentro de um quarto da propriedade encontraram uma espingarda calibre 28 e um revólver calibre 38, oito cartuchos calibre 38 e 12 calibre 28. Na geladeira da residência foi encontrado 1,7 quilo carne de tatu e um quilo de carne de teiu. Nas proximidades ainda foram localizadas duas armadilhas de caça devidamente armadas.

ANTÔNIO CRISPIM – Araçatuba

você pode gostar também