TRE anuncia extinção de 32 zonas eleitorais no estado de São Paulo

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SP) decidiu extinguir 32 zonas eleitorais no estado de São Paulo, a fim de aplicar os critérios de rezoneamento definidos pelo Tribunal Superior Eleitoral e criticados por servidores e magistrados de todo o país. A Resolução aprovada pelo Pleno do Tribunal foi publicada no Diário Oficial. As medidas atingiram comarcas de várioas regiões do estado. Araçatuba, mesmo com menos de 200 mil eleitores, não foi atingida pela medida e foram mantidas as duas zonas eleitorais.
O Sindicato dos Trabalhadores no Judiciário, juntamente com servidores dos cartórios eleitorais de todo o estado, vinha buscando discutir com a administração do TRE o impacto do rezoneamento, não apenas sobre a categoria, mas sobre todos o eleitorado. A entidade chama a atenção para o prejuízo no atendimento à população e na fiscalização das eleições, já a partir do próximo ano.

Nesta semana, servidores da Justiça Eleitoral de vários estados estiveram em duas audiências públicas na Câmara dos Deputados denunciando a precarização desse ramo do Judiciário, acelerada pelo rezoneamento instituído pelo TSE. Até o momento já são contabilizadas 421 zonas eleitorais extintas e esse número pode crescer.
De acordo com a Resolução do TSE, as zonas extintas serão transformadas em postos de atendimento.

REGIÃO
Na região houve algumas alterações. Porém, Araçatuba manteve as duas zonas a 11ª e a 299ª. Alguns remanejamentos foram feitos. Rinópolis passou da 184ª Zona Eleitoral, de Tupã para a 210ª Zona Eleitoral de Bilac. Itapura, da 88ª Zona Eleitoral – Pereira Barreto para a para a 368ª Zona Eleitoral – Ilha Solteira. Lavínia, da 153ª Zona Eleitoral – Mirandópolis para a 146ª Zona Eleitoral – Valparaíso. Em Lins, eleitores da 297ª Zona Eleitoral foram remanejados para a 67ª Zona Eleitoral.

De acordo com a resolução do TRE, as zonas eleitorais extintas serão transformadas em postos de atendimento, vinculados às Zonas Eleitorais às quais serão incorporadas. O presidente do TRE, por meio de ato, designará a data para início do funcionamento das zonas eleitorais com a configuração territorial prevista nesta Resolução.

REAÇÃO
O juiz Emerson Sumariva Júnior, diretor da Região Administrativa Judiciária de Araçatuba, confirmou que a cidade não foi atingida. “A diminuição geraria um prejuízo enorme para nossa região. Eleição é coisa séria”, disse Sumariva.

 

Da Redação

você pode gostar também