Náutico vende Erick por R$ 2,8 mi e receberá parte do valor dividido e por produtividade

Prego batido. O atacante Erick já não é mais jogador do Náutico e agora irá defender o Braga-POR. A negociação, que vinha se arrastando desde abril, foi concretizado em 1,1 milhão de euros (aproximadamente R$ 4 milhões), que vai render aos cofres do Timbu cerca de R$ 2,8 milhões. O restante fica com o empresário da revelação. O jogador já não enfrenta o Ceará, na próxima rodada.

O clube só possui 70% dos direitos econômicos do atleta, com os outros 30% pertencendo ao empresário do jogador. Valor que será pago de forma parcelada. A primeira parcela à vista, no valor de R$ 1,5 milhão. O restante em mais duas vezes e a depender da produtividade do jogador na Europa.

Após Erick realizar suas dez primeiras partidas pelo Braga, o Náutico terá direito a mais R$ 650 mil. Mesmo valor pago em caso o avançado repita mais 10 jogos. Na negociação, o Timbu também conseguiu manter 15% dos direitos econômicos sobre o jogador, vislumbrando uma futura valorização na Europa do atleta.

Com o negócio fechado, Erick não treina mais com o elenco alvirrubro, mas, nesta manhã, ele foi ao CT Wilson Campos. O prata da casa, de 19 anos, já tirou o passaporte para embarcar rumo ao seu novo clube.

Aos 19 anos, Erick é a maior revelação do Náutico nos últimos anos. No começo da temporada, foi o artilheiro do time na Copa São Paulo de Juniores, com quatro gols. Integrado aos profissionais, não demorou para ser titular absoluto da equipe. Ao todo, em 38 partidas, marcou nove tentos, sendo o goleador máximo do clube nesta temporada.

Da Redação

você pode gostar também