Observadores da ONU concluem remoção de armas das Farc na Colômbia

A Missão das Nações Unidas na Colômbia concluiu esta semana o processo de remoção das armas individuais de combatentes das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia – Exército do Povo, Farc-EP. Mais de 8 mil armas e um milhão de cartuchos queimados foram transportados para um armazém central no país. A informação é da ONU News.

Em nota, o chefe da missão e representante especial do secretário-geral da ONU no país, Jean Arnault, afirmou que além da operação realizada em Pondores, outras ocorreram em quatro áreas: La Reforma, Yari, La Guajira and La Variante.

O material transportado nos containers consiste em 8.112 armas e quase 1,3 milhão de cartuchos queimados. Todo o material instável encontrado nos 26 campos, incluindo granadas, explosivos caseiros e pólvora, foi destruído.

De acordo com uma resolução do Conselho de Segurança das Nações Unidas adotada por unanimidade, a atual missão da ONU no país será substituída pela Missão de Verificação da ONU na Colômbia, no dia 26 de setembro.

Da Redação

você pode gostar também