Prefeito e líderes religiosos chegam a consenso sobre tema teatral polêmico

O prefeito Dilador Borges recebeu a visita de 16 representantes religiosos em seu gabinete, na manhã de segunda-feira (14). Entre os assuntos abordados esteve a programação do evento Plural – Festival da Diversidade em Araçatuba 2017.

Entre posturas que variaram de exigentes a tolerantes, a tônica geral foi o questionamento da postura do prefeito em relação à existência de uma peça teatral com temática envolvendo referência à figura de Jesus Cristo.

Dilador justificou-se de modo a esclarecer sua postura diante da religiosidade e de equilíbrio com os princípios da democracia e da liberdade de expressão. “Todos sabem que sou um grande respeitador das tradições cristãs, que são base de minha educação familiar, alicerce de minha formação humanista, filosofia de vida e princípios políticos. Ao mesmo tempo, tenho responsabilidade de gestor público e exerço postura de respeito ao pensamento democrático de igualdade”.

Tanto o prefeito como a vice, Edna Flor, salientaram a importância de lembrar que o direito das minorias, que incluem o de livre manifestação de pensamento, cultural e artisticamente, é amparado por lei e garantido pela Constituição Brasileira, bem como o apoio ao evento vem do Ministério da Cultura e da Secretaria de Cultura (Estado de São Paulo) e chega aos municípios.

“Tenho um olhar voltado para a lei e acredito que todos temos liberdade garantida, por lei, de manifestar nossas crenças e valores. Este momento é delicado, mas podemos aproveitar outras datas e tornar mais presentes, de forma respeitosa e dando bom exemplo, as nossas intenções e aspirações para uma sociedade melhor”, sugeriu o prefeito.

Ao final, um dos representantes religiosos agradeceu a abertura Dilador e Edna Flor ofereceram ao receberem o grupo. “Cremos que esta é a primeira vez que conseguimos reunir tantos representantes e pudemos ser ouvidos juntos, de forma a caminharmos em consonância”, concluindo com uma oração coletiva de benção à atual administração e ao povo de Araçatuba.

DA REDAÇÃO – Araçatuba

você pode gostar também