Cruzeiro usa duelo com São Paulo para dar ritmo a reservas, reforço e recuperados

O Cruzeiro abre contra o São Paulo, às 11 horas deste domingo, no Morumbi, sua trajetória no returno do Campeonato Brasileiro. Apesar de o clube celeste ter o plano de melhorar sua posição na competição – ocupa o sétimo lugar, com 27 pontos, a um do sexto colocado Sport –, é clara a prioridade pelas semifinais da Copa do Brasil, que começará a ser disputada na quarta-feira, às 21h45, contra o Grêmio, em Porto Alegre. Tanto que o técnico Mano Menezes anunciou que a Raposa visitará o Tricolor com uma formação alternativa.

A partida em São Paulo será importante para que atletas pouco aproveitados na temporada ganhem oportunidades. É o caso do lateral-esquerdo Bryan, que, em função da ótima fase do concorrente Diogo Barbosa – citado até mesmo por Tite, técnico da Seleção Brasileira –, disputou apenas nove jogos em 2017, sendo três pelo Campeonato Brasileiro. O volante Nonoca, cria da base do clube, também receberá nova chance. O jovem de 19 anos fará apenas o segundo jogo na condição de titular. Já o zagueiro Digão, contratado recentemente ao Al Sharjah, dos Emirados Árabes Unidos, estreará com a camisa azul depois de um mês de preparação.

Outra novidade entre os titulares é o armador Robinho. Depois de se recuperar de lesão no músculo adutor longo da coxa esquerda – sofrida no dia 2 de julho, na derrota por 3 a 1 para o Atlético, no Independência (12ª rodada) –, o camisa 19 voltou a jogar no dia 3 de agosto e marcou o terceiro gol da vitória por 3 a 0 sobre o Vasco, em Volta Redonda. No último domingo, ele também entrou no segundo tempo do empate sem gols com o Botafogo, no Mineirão. Agora, terá a oportunidade desde o início.

Mano Menezes ainda observará o goleiro Rafael, o lateral-direito Ezequiel e o volante Hudson – esses dois últimos recuperados de lesão no púbis e na coxa direita, respectivamente. Os titulares que permanecem são o zagueiro Leo, o meia Alisson e os atacantes Rafael Sobis e Sassá. Já o armador Thiago Neves, artilheiro do Cruzeiro no Brasileiro, com seis gols, ganhará descanso e ficará no máximo como opção no banco de reservas. O mesmo vale para o zagueiro Murilo, o lateral-esquerdo Diogo Barbosa, o volante Henrique e o meia Elber. Lucas Silva está suspenso em virtude do terceiro cartão amarelo.

O treinador justificou as escolhas e disse que espera boa atuação contra o São Paulo, clube que sua equipe venceu por 1 a 0, na estreia do Brasileiro, em 14 de maio, com gol do argentino Ramón Ábila (que acertou recentemente sua transferência para o Boca Juniors). “Mais um jogo difícil, inicio do returno. Jogo com característica diferente. Pensamos em fazer um bom jogo, fazer um segundo turno melhor do que o primeiro. Estamos pensando em trabalhar com outras oportunidades. Vamos alternar os jogadores por questões óbvias. A sequência exige isso. Temos um jogo de semifinal na quarta que vem. Os jogadores vêm de um desgaste que temos que cuidar, já que exames diagnosticaram isso”.

Sem esconder a prioridade pela Copa do Brasil, Mano confia na produtividade do time ao longo dos treinos dessa semana. “Foi bem. Trabalhamos uma ideia do que pudemos esperar no domingo e estamos criando alternativas para a equipe manter a produção. Revezar jogadores. O Cruzeiro já tem uma ideia bem clara. Em agosto, temos que saber o que queremos”.

DEPARTAMENTO MÉDICO
Mais um atleta se juntou ao departamento médico do Cruzeiro. O atacante Rafael Marques, que reclamou de dores abdominais nos treinos da semana, foi diagnosticado com hérnia inguinal do lado esquerdo. Ele passará por cirurgia para correção do problema neste sábado. Seguem fora o zagueiro Dedé, o volante Ariel Cabral, o meia Arrascaeta e o atacante Judivan.

Da Redação

você pode gostar também