Rogério Micale reúne elenco para conversa reservada na Cidade do Galo

Antes do treino do Atlético nesta sexta-feira, o técnico Rogério Micale reuniu os jogadores por cerca de uma hora para tentar passar tranquilidade e confiança ao elenco. O comandante entende que o diálogo pode ser uma armar importante para tirar o Galo desse momento de crise. O time foi eliminado pelo modesto Jorge Wilstermann das oitavas de final da Copa Libertadores. A realidade agora é o Campeonato Brasileiro. O Galo está na 15ª posição, com 23 pontos, quatro a mais que o São Paulo, primeiro clube na zona de rebaixamento.

A imprensa não acompanhou o papo entre treinador e jogadores. Quando os jornalistas tiveram acesso aos gramados da Cidade do Galo, somente os reservas estavam em atividade. Os titulares ficaram na academia. O clima no clube ainda é de abatimento.

O técnico Micale disse que a reunião foi proveitosa. “Fortalecer o que tem sido feito de bom, algumas coisas boas têm acontecido, na evolução da equipe. Passar tranquilidade. Temos um grupo experiente, maduro, muitos já viveram uma situação como essa. Temos um grupo qualificado, temos todas as condições de reverter esse momento no segundo turno do Brasileiro, Além de corrigir algumas situações que possam estar atrapalhando. O objetivo é alinhar o trabalho para ficarmos mais fortes e buscarmos algo melhor no Brasileiro”, disse o treinador

Por sua vez, o armador Valdívia, que participou da partida da última quarta-feira, disse que o treinador tentou passar confiança ao grupo de jogadores. “Erguer a cabeça. O Micale sempre conversa com a gente e passa confiança, dizendo o que já fizemos anteriormente. Pedindo que a gente tenha tranquilidade para fazer uma boa partida. Todo dia, ele conversa, passa confiança e isso ajuda”, afirmou.

A Copa Libertadores agora é página virada. O Galo foca toda a energia no Brasileirão. O presidente Daniel Nepomuceno disse que uma vaga no G-6 passa a ser obrigação do time. Neste domingo, o Galo enfrenta o Flamengo, às 16h, no Independência. Uma vitória é essencial para ajudar a superar a traumática eliminação na competição da Conmebol.

Da Redação

você pode gostar também