Detran flagra irregularidades em autoescola de Sud Mennucci

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran) flagrou na noite desta quarta-feira (9), irregularidades em um Centro de Formação de Condutores (CFC), conhecido como autoescola, de Sud Mennucci. Durante fiscalização na Auto e moto escola Revolução, a equipe do Detran.SP constatou que uma aula prática da categoria B (carro) constava aberta no sistema e-CNHsp – por meio do qual o órgão faz o rastreamento das etapas do processo de habilitação -, mas não estava efetivamente sendo ministrada. O veículo, que deveria estar sendo utilizado em aula, estava em trânsito com o proprietário do estabelecimento e a instrutora estava na recepção da autoescola. O aluno não estava presente.
Foi registrado boletim de ocorrência na Delegacia de Polícia de Sud Mennucci por inserção de dados falsos em sistema de informações, crime previsto no artigo 313-A do Código Penal, com pena de 2 a 12 anos de reclusão. Os envolvidos, tanto os responsáveis pelo CFC como o candidato à habilitação que deveria estar em aprendizagem, responderão a inquérito policial.
Além disso, a autoescola terá suas atividades suspensas preventivamente por 30 dias e responderá junto ao Detran.SP a um processo administrativo que pode resultar até em descredenciamento. Como garante a Constituição Federal, a empresa tem direito a apresentar defesa antes da conclusão do processo.
“Os Centros de Formação de Condutores têm a importante missão de conscientizar os novos condutores no trânsito. Por isso, é fundamental que a autoescola preze pela qualidade do ensino e com isso contribua para um trânsito mais seguro”, afirma Maxwell Vieira, diretor-presidente do Detran.SP.
O Detran.SP realiza regular e periodicamente diligências e fiscalizações em parceiros como CFCs, médicos e psicólogos credenciados e em locais de exames práticos a fim de coibir eventuais fraudes e irregularidades no processo de habilitação.
Suspeitas de irregularidades podem ser denunciadas à Ouvidoria do Detran.SP pelo portal www.detran.sp.gov.br ou diretamente no link a seguir http://bit.ly/1ZfLWnf. É garantido sigilo absoluto ao denunciante.

 

DA REDAÇÃO – SUD MENNUCCI

 

você pode gostar também