Buffarini deve ganhar nova chance na lateral do São Paulo no jogo contra o Cruzeiro

As contusões de Bruno (dores nas costas) e Araruna (lesão muscular na coxa direita) deram uma nova oportunidade para o argentino Buffarini ocupar a lateral direita do São Paulo. Nos treinos ao longo da semana, ele foi a única opção testada pelo técnico Dorival Júnior para a partida contra o Cruzeiro, domingo, às 11h, no Morumbi, pela primeira rodada do returno do Brasileirão.

Buffarini teve apenas uma oportunidade com Dorival. Foi na partida diante do Atlético-GO, a estreia do treinador. Foi mal a ponto de ser vaiado pela torcida e acabou perdendo espaço para Bruno. Também foi prejudicado pelo excesso de estrangeiros no grupo e, por isso, nem foi relacionado em alguns jogos. O argentino recebeu uma sondagem do Boca Juniors há duas semanas e chegou a afirmar que pensaria na proposta, caso ela realmente chegasse. Ainda não chegou. “Boca é Boca”, afirmou o lateral.

Contratado no ano passado a pedido do então treinador tricolor Edgardo Bauza, Buffarini disputou 36 partidas com a camisa do São Paulo e ainda não marcou gols. O salário do argentino, de 28 anos, também é considerado alto.

O setor direito é um dos mais problemáticos do São Paulo. Depois de improvisar até o meia Marcinho, Dorival prega paciência. “Temos de ter tranquilidade para que possamos ter uma solução nos jogadores que aqui estão. O Bruno já foi o melhor lateral do Campeonato Brasileiro. O Buffarini teve um destaque muito grande, inclusive na conquista da Libertadores. Calma e paciência para que os dois se sintam mais confortáveis”, disse o jogador à reportagem do Estado na semana passada.

Da Redação

você pode gostar também