Araçatuba quer avançar no Programa Município Verde Azul

Com o objetivo de estreitar laços entre as secretarias para a participação sólida e conjunta no Programa Município VerdeAzul, a Prefeitura de Araçatuba recebeu nesta quinta-feira (3) o engenheiro ambiental João Vitor Marega, da Fundação Florestal do Estado de São Paulo, entidade que pertence à Secretaria Estadual de Meio Ambiente (SMA). Ele foi o responsável por conduzir uma capacitação destinada a secretários e representantes das secretarias municipais.

Na ocasião, Marega apresentou o Programa Ambiental Estratégico da SMA, que traz a proposta de auxiliar os representantes do município na elaboração e execução das políticas de gestão ambiental para a obtenção de certificação no Programa Município VerdeAzul (PMVA).

As ações propostas pelo PMVA abrangem dez diretivas: Esgoto Tratado, Resíduos Sólidos, Biodiversidade, Arborização Urbana, Educação Ambiental, Cidade Sustentável, Gestão das Águas, Qualidade do Ar, Estrutura Ambiental e Conselho Ambiental. Para cada uma delas são atribuídas notas que o município deve atingir para ser intitulado como Município Sustentável.

Através dessa certificação, Araçatuba pode tornar-se reconhecida como boa gestora ambiental municipal e garantir que a administração ganhe prioridade na captação dos recursos estaduais para investimentos na esfera ambiental.

PARA VALER

O secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade e Turismo, Petrônio Pereira Lima, afirmou a necessidade da integração entre as secretarias municipais como forma de promover intervenções ambientais eficazes que servem de parâmetro para a população.

A vice-prefeita Edna Flor também participou da capacitação e, ao se pronunciar, demonstrou o interesse do prefeito Dilador Borges e da administração no PMVA, já que Araçatuba, em toda a sua história, teve apenas um registro no Programa, em 2011, mas sem andamento ou conclusão dos processos para a certificação. “Araçatuba incluída neste programa representa que estamos fazendo a ‘ lição de casa’ nas questões ambientais e isso representa uma causa nobre para nós e toda a sociedade”.

DA REDAÇÃO – Araçatuba

você pode gostar também