Na missa de São Cristóvão, preces e apelos para respeitar a vida no trânsito

Na terça-feira (25) à noite foi foi desenvolvida a 11ª Carreata de São Cristóvão, evento promovido pelo Sistema Regional de Comunicação por meio das rádios FM Cidade e Andradina AM, SRCTV e O LIBERAL REGIONAL e que fez parte do calendário comemorativo dos 80 anos de Andradina. Centenas de motoristas e seus familiares participaram da procissão de veículos que saiu da Avenida Guanabara em Andradina, para o pátio de estacionamento do Posto Sertanejo na Rodovia Marechan Rondon, onde o ato de fé se repete todos os anos. A missa foi celebrada pelo padre padre Sebastião e concelebrada pelo padre Sílvio e a participação de Edilson Gomes da Silva. Padre Sebastião agradeceu ao SRC e ao proprietário do Posto, Adilson Geib pela fé e disposição de se unir à Paróquia de São Sebastião.

Pouco depois das 18 horas começaram a chegar os primeiros veículos em frente ao cemitério, local da concentração. A carreata começou por volta de 19h30 e durou aproximadamente 30 minutos para concluir o percurso pela Rodovia Marechal Rondon até o Posto Sertanejo. No pátio do estabelecimento foi montada toda estrutura para celebração da missa.

Os fiéis receberam folheto com leituras da missa e também recomendações para respeitar o trânsito e dirigir com responsabilidade, longe dos efeitos das bebidas e das drogas. O folheto é produzido pelo SRC. Os padres Sebastião Gonçalves e Silvio Santos lembraram frases bem humoradas do saudoso padre Orides Façoni que dizia: “Você correndo muito, acima do limite, o primeiro a sair pela janela é São Cristóvão”. Com esse apelo, padre Sebastião convidou a todos para as orações e pedidos a Deus por proteção, mas também para que todos respeitem as sinalizações e as regras básicas de convivência pacífica no trânsito.

O padre Sebastião Gonçalves lembrou que pelo sétimo ano consecutivo participa da carreata e da missão de São Cristóvão. Já padre Sílvio participo pela primeira vez no ano passado e agora foi a suya segunda participação. De acordo com o padre Sebastião, é importante pregar a paz no trânsito eo respeito às regras e sinalização.
Ao final da missa, todos os veículos e seus motoristas foram abençoados individualmente.

Da Redação

você pode gostar também