Jogos Internos da Assistência Social são marcados por emoção

“O que eu mais gosto no meu dia é ir no Secoi”. Essa foi a frase da pequena Júlia Caroline Costa Bossani, de apenas seis anos, enquanto assistia, da arquibancada do Ginásio Municipal de Esportes Dr. Plácido Rocha, o encerramento da primeira edição do Joias (Jogos Internos de Assistência Social). Ela é referenciada no Serviço de Convivência Infanto-Juvenil (Secoi) do município e participou pela primeira vez de uma competição esportiva.

A abertura dos Joias ocorreu no último dia 10 e contou com a participação de 556 crianças da Associação de Reinserção Social de Crianças e Adolescentes (Arca), do Secoi, da Associação João Arlindo e do Programa Lobato (Sítio da Criança). Durante esse período, crianças e adolescentes de 6 a 15 anos competiram no Ginásio de Esportes Dr. Plácido Rocha, nas modalidades de futsal, vôlei, queimada, pique-bandeira, corrida do saco, corrida dos 50, 100, 200 e 400 metros, damas (jogo de tabuleiro) e tênis de mesa.

Júlia e as amigas Yasmin Yeokari Hosani de 9 anos, Melissa Vitória Santana de Oliveira de 7 anos e Ana Júlia Ramos Ferreira de 8 anos, disseram que a modalidade que elas mais gostaram durante os jogos foi a queimada. Elas contaram que ficaram mais próximas durante os jogos, e sentiram falta umas das outras quando voltavam para a casa após as competições. Todas são referenciadas no Serviço de Convivência Infanto-Juvenil.

A cerimônia de encerramento dos Joias ocorreu nesta sexta-feira (21), e foi comandada pelo idealizador do evento, o professor de Educação Física do Secoi Luis Gustavo Arantes. Durante o evento, houve carregamento de tocha olímpica e apresentação das equipes femininas e masculinas e o anúncio de suas classificações nos jogos. O evento é de realização da Prefeitura de Araçatuba, através das secretarias de Assistência Social, Esporte, Lazer e Recreação e de Educação. A arbitragem ficou por conta dos alunos de Educação Física do Unitoledo.

A vice-prefeita Edna Flor parabenizou todas as crianças e adolescentes que competiram. “É lindo estar presente em um momento como este, em que se valoriza a vida das pessoas através do esporte e de ações sociais que promovem a integração. Tenho certeza que, no futuro, verei a carinha de vocês na televisão carregando a tocha olímpica, como fizeram aqui”, disse Edna às crianças que carregaram a tocha durante a cerimônia de encerramento.
A secretária de Assistência Social, Maria Cristina Domingues, se encantou com as apresentações das delegações, e disse às crianças: “Que vocês levem essa medalha no peito como uma das peças fundamentais para a formação de cada um de vocês”. Durante sua fala, Maria Cristina explicou que a realização dos Jogos é uma forma de ocupação para as crianças durante o período de férias escolares.
Estiveram presentes, além de Edna Flor e Maria Cristina, o secretário de Esportes Omar Miquinioty, o assessor executivo da Secretaria de Esportes, Manoel Francisco da Costa, a coordenadora do Secoi, Anézia Gabas e o presidente da Câmara Municipal Rivael Papinha.

A somatória dos pontos de cada modalidade deu origem ao resultado final das colocações das entidades representadas, por categoria.

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

você pode gostar também