Mulher adotada faz carta emocionante à mãe biológica agradecendo por ter sido “deixada”

Muitas pessoas que foram adotadas preferem não saber quem são seus pais biológicos, que por inúmeros motivos não puderam criá-las. Em alguns casos, nutrem um certo desprezo pelos pais que lhe deram a vida. Com certeza não é o caso da norte-americana Dana Womer. A história de Womer foi compartilhada pela página do Facebook Love What Matters, na forma de uma carta emocionante, que ela mesma escreveu.

18425282_1511911965497863_5402351954818740176_n.jpg

Womer conta que foi adotada e agradece aos seus pais biológicos por ter tido a oportunidade de crescer com seus pais adotivos.

Relacionado: Orfanato procura doadores de cafuné, carinho e amor para crianças que esperam adoção

“Eu sou adotada. Esta é uma frase que eu disse centenas de vezes na minha vida […] Quando alguém comenta sobre como eu não pareço com minha irmãzinha: é porque eu sou adotada”, escreveu ela.

18342515_1511912008831192_1592026452543509636_n.jpg

Womer não sabe muito bem quem são seus pais biológicos, mas sua mãe tinha 21 anos quando a teve, sem a menor condição de criar uma criança. Ela preferiu entregar a bebê a um casal que lutou por anos com a infertilidade.

“Minha vida inteira está em uma carta de amor que escrevi para minha mãe biológica e para minha mãe e meu pai”, escreveu Womer. “Eu tento viver todos os dias com essa energia, ser gentil com os outros, sorrir, estar aberta a novas oportunidades. Sou muito consciente de que minha vida foi um presente que me foi concedido por essas três pessoas e não pretendo desperdiçar isso”.

18403419_1511911912164535_483620762047308098_n
Como Avó segurando meu segundo neto.

“Para minha mãe biológica: penso que não nos encontraremos, mas já conheço você. Eu tenho seu sangue correndo pelas minhas veias, seus cabelos encaracolados, seu sorriso. Eu tenho sua bagunça e sua atitude decidida. Mas também eu gosto de pensar que herdei um gene “gentil e generoso” de você. Depois que meus filhos cresceram dentro de mim e vê-los vir ao mundo duas vezes, agora eu entendo o peso do que você fez por mim – escolhendo me manter segura durante nove meses, cada grito seu e cada dor que você sentiu enquanto me trazia para o mundo, carregando o fardo de dar sua criança no futuro, distanciando-se – por tudo isso e mais eu agradeço. Eu te amo e te agradeço”.

18342057_1511911882164538_7809073645075713836_n
Minha Familia

Womer quer que seus pais adotivos saibam que ela é incrivelmente agradecida por tudo o que eles fizeram por ela. “Obrigado por me escolher, por esperar e manter seus corações abertos e por dizer sim quando aquela ligação veio. Obrigado por serem os exemplos de pais em que me inspiro e apoiar a decisão da minha família de mudar de pais e responder todos os telefones […] Obrigado por saber que sempre posso contar com vocês quando preciso. Obrigado por me manter segura por trinta e cinco anos e contando. Eu sou adotada. E eu tenho muita sorte”, finaliza ela.

Fotos: Dana Mason Womer – Facebook

Fonte: Razões Para Acreditar

você pode gostar também