Jay Z libera “4:44” em todas plataformas – menos Spotify

A guerra do Tidal contra o Spotify é real! Terminada a semana de exclusividade do álbum “4:44” do Jay Z no Tidal, o rapper liberou o material para todas as plataformas digitais nesta sexta (7/7), menos Spotify, que é líder de mercado, com 140 milhões de usuários ativos. Vale lembrar que Jay Z é um dos principais sócios do Tidal, e vem há anos lutando para consolidar o serviço pago entre os consumidores.
Segundo a Billboard, o bloqueio do álbum para o Spotify não é exatamente uma surpresa. “Em abril, Jay Z removeu seu catálogo inteiro do serviço sem explicar o porquê. Alguns teorizaram que era porque o plano gratuito do serviço de streaming paga menos do que o plano pago, o que teria impulsionado-o a lançar seu próximo serviço de streaming com o Tidal em março de 2015”, diz matéria publicada nesta sexta.

No passado, nomes como Taylor Swift e Adele também não disponibilizaram seus álbuns no Spotiy: casos de “1989” e “25”. Taylor, no entanto, liberou seu catálogo completo para o serviço digital neste ano, em comemoração a 100 milhões de singles vendidos. Procurados pela imprensa, representantes do Spotify não quiseram comentar a ausência de “4:44” de Jay Z em seu repertório.

Da Redação

você pode gostar também