Saúde confirma sete casos de dengue e 44 aguardam resultado

Agora são sete casos positivos de dengue registrados pela secretaria municipal de Saúde de Castilho e um montante de 44 suspeitos. Os números ainda estão longe da epidemia do ano passado quando a cidade registrou 542 positivos e 693 suspeitos. Ainda assim, a responsável pela vigilância epidemiológica da cidade, Naira de Deus, pede que os cuidados básicos sejam mantidos. A proposta é justamente evitar o alastramento da doença.

Para conter a proliferação do mosquito da dengue, Naira relata que nas casas onde tiveram casos confirmados foram realizados bloqueios e controle de criadouros, bem como bloqueio de nebulização. “O serviço vem sendo feito pelos agentes de controle de vetor”, confirma Maria Helena Campus, supervisora dos agentes.

Na região central há maior número de casos da doença. São quatro registrados até agora. Outros dois foram no bairro Laranjeiras e um na zona rural. “Quem sentir os sintomas deve procurar a unidade básica de Saúde mais próximo de sua casa ou até mesmo o CIS”, alerta Naira.

Geralmente os sintomas se manifestam a partir do 3° dia depois da picada do mosquito. Os sintomas são febre alta, erupções cutâneas e dores musculares e articulares. Em casos graves, há hemorragia intensa e choque hemorrágico (quando uma pessoa perde mais de 20% do sangue ou fluido corporal), o que pode ser fatal.

COMO COMBATER EM 10 PASSOS: 
01 Não deixe água parada, destruindo os locais onde o mosquito nasce e se desenvolve, evita sua procriação.
02 – Deixe sempre bem tampados e lave com bucha e sabão as paredes internas de caixas d’água, poços, cacimbas, tambores de água ou tonéis, cisternas, jarras e filtros
03- Não deixe acumular água em pratos de vasos de plantas e xaxins. Coloque areia fina até a borda do pratinho.
04 – Não junte vasilhas e utensílios que possam acumular água (tampinha de garrafa, casca de ovo, latinha, saquinho plástico de cigarro, embalagem plástica e de vidro, copo descartável etc.) e guarde garrafas vazias de cabeça para baixo.
05- Entregue pneus velhos ao serviço de limpeza urbana, caso precise mantê-los, guarde em local coberto.
06- Deixe a tampa do vaso sanitário sempre fechado. Em banheiros pouco usados, dê descarga pelo menos uma vez por semana.
07- Retire sempre a água acumulada da bandeja externa da geladeira e lave com água e sabão.
08 – Sempre que for trocar o garrafão de água mineral, lave bem o suporte no qual a água fica acumulada.
09 – Mantenha o quintal limpo, recolhendo o lixo e detritos em volta das casas, limpando os latões e mantendo as lixeiras tampadas. Não jogue lixo em terrenos baldios, construções e praças. Chame a limpeza urbana quando necessário.
10- Permita sempre o acesso do agente de controle de zoonoses em sua residência ou estabelecimento comercial.

Da Redação

você pode gostar também