“Tenho que falar a minha verdade mesmo que não seja comercial”, fala Katy Perry sobre o “Witness”

Katy Perry concedeu uma entrevista a uma rádio australiana nesta quarta-feira (28) e comentou sobre as críticas que vem recebendo ao álbum “Witness”.

“Eu tenho que falar a minha verdade mesmo que ela não seja comercial ou corporativa ou qualquer coisa”, disse ao locutor Em Rusciano. Para ela, o sucesso de algo é metido pela felicidade que ele proporciona e que está em um momento de felicidade plena. A resposta surgiu depois que o locutor a parabenizou por sempre se reinventar na carreira.

Katy vem recebendo críticas desde o lançamento do 1º single, “Chained to the Rhythm”, em fevereiro. Por não conseguir se manter no topo das paradas – o que não claramente não determina o sucesso de algo – a cantora é cobrada diariamente. A situação “se agravou” depois da estreia de “Bon Appétit” com o trio Migos (que inclui no elenco o rapper Quavo, alvo de críticas também após comentário homofóbicos) e posteriormente a chegada “Swish Swish”, uma possível resposta para Taylor Swift e todo o retorno à mídia da rixa entre as duas cantoras.

Da Redação

você pode gostar também