Espaços para motos em semáforos de Araçatuba têm pinturas apagadas

Vários espaços cedidos às motocicletas nos semáforos de Araçatuba, a frente dos carros e chamados de “bolsões”, estão com as pinturas de solo apagadas. Hoje, existem 14 bolsões nos principais semáforos da cidade.

Em alguns casos, a prefeitura repintou faixas de pedestres e sarjetas, mas esqueceu dos locais. E, se com o espaço pintado o desrespeito dos motoristas de carro já existia, agora está pior.

A reportagem esteve no centro de Araçatuba e fez alguns flagrantes. Na esquina da Rua Floriano Peixoto com a Praça Rui Barbosa, por exemplo, o bolsão está apagado e os carros param no local sem nenhum problema. O mesmo acontece na Avenida dos Araçás.

De acordo com o CTB (Código de Trânsito Brasileiro), não prevê multa para quem desrespeita o espaço. O motorista pode parar no bolsão, mesmo que a atitude seja considerada “desrespeitosa”, já que tira o intuito do espaço, que é permitir a saída rápida das motos e evitar o uso do corredor.

Mesmo com os problemas, a ideia da gestão atual não é eliminar os bolsões.

“A Secretaria de Mobilidade Urbana apoia a existência desses espaços por entender que evita a colisão traseira das motocicletas contra os veículos, além de ter como missão e objetivo a preservação da vida da população”.

Os bolsões exigem apenas a pintura de solo, por isso é considerado pela secretaria como uma medida eficaz e barata

A secretaria afirmou que, por enquanto, não há projetos de expansão desses referidos espaços pela cidade, mas que vai repintar os bolsões que estão apagados.

KAIO ESTEVES – Araçatuba

você pode gostar também