LR1
O que você
busca?
BUSCAR
Região
postado em 20/04/2017 às 17h04min

Equipe implanta agricultura sintrópica no viveiro municipal

Da Redação - Promissão
Tamanho da
Letra
Diminuir Letra Aumentar Letra
Curso de Engenharia Agronômica leva novas técnicas aos produtores (Foto: Divulgação)

Em forma de mutirão, cerca de 40 pessoas montaram parte de uma unidade de agricultura sintrópica em área do viveiro municipal da prefeitura de Promissão. A ação contou com a participação de técnicos e funcionários da própria prefeitura, representantes do Convênio Intermunicipal do Meio Ambiente, alunos e professores da escola Navas, técnicos da Casa da Agricultura e alunos do curso de Engeeharia Agronômica do Unisalesiano de Lins.

Segundo o engenheiro agrônomo Hemerson Calgaro, coordenador do Curso de Engenharia Agronômica do Unisalesiano, a agricultura sintrópica, criada pelo suíço, Ernst Gotsh, preconiza a preservação dos recursos hídricos, conservação e recuperação do solo pelo uso, proporciona plantios multiestratos num arranjo sucessional de espécies vegetais de interesse agrícola, seja para alimentação, madeira ou mesmo para produção de biomassa (matéria orgânica). Para Gotsh não existe solo ruim, o que precisa melhorar é o manejo.

"Neste projeto piloto, foram plantadas banana, eucalipto, abacaxi e folhosas como alface, rúcula e repolho todas no mesmo canteiro, variando o arranjo nos demais canteiros. Os insumos utilizados foram os disponibilizados na própria localidade, como esterco de ave, cavaco (serragem para cobertura do solo), cinza e calcário. A ideia do projeto é de servir como local de demonstração para agricultores familiares, em especial", disse o professor Hemerson Calgaro.

Em Promissão, um grupo de agricultores familiares estão participando de projeto de sistema agroflorestal coordenado por técnicos da Secretaria de Meio Ambiente do Estado de São Paulo, como parte integrante do Programa de Microbacias-II, e já estão articulando, junto com a Casa da Agricultura e prefeitura, a formar grupos de consumo consciente, justamente para fidelizar o cliente e criar novos mecanismos de mercado e garantir produção de alimento saudável e seguro.

Espalhe essa notícia
|
0 Comentários Comentários
Comentar Comentar
LR1 Siga-nos no Siga-nos no Twitter Faça Parte da Comunidade Lr 1 no Faça Parte da Comunidade Lr 1 no Orkut SRC na WEB   |   Anuncie no Lr 1   |   Fale com o Lr 1   |   Privacidade   |   Faça do Lr 1 a sua página inicial WTC Brasil Todos os direitos reservados - 2010 Jornal O Liberal Regional