LR1
O que você
busca?
BUSCAR
Esportes
postado em 15/05/2017 às 21h54min

Carille celebra tempo de preparo para 2ª rodada

Treinador se queixa do cansaço antes da partida contra a Chapecoense, que teria atrapalhado o Timão
DA REDAÇÃO São Paulo
Tamanho da
Letra
Diminuir Letra Aumentar Letra
Agência Corinthians
Carile e Fagner na partida de domingo: após estreia em casa, time terá dois jogos fora

 O técnico Fábio Carille e os jogadores do Corinthians não conseguiram esconder o cansaço que a maratona de jogos pela qual a equipe passou recentemente, todos decidindo algo, atrapalhou o fôlego alvinegro no empate por 1 a 1 com a Chapecoense. Mesmo com o cansaço estampado no rosto, porém, o treinador fez questão de exaltar o tempo que a equipe terá para se recuperar e buscar mais conquistas na temporada.
"Campeonato Brasileiro é duro, é assim. Temos agora que nos preparar para o jogo do Vitória, mas a gente vai brigar por coisas grandes nesse ano ainda", explicou o comandante, exaltando os três jogos em 20 dias, depois de passar por 30 partidas em 100. "É muito importante, serve para tentar coisas novas no treino, descansar os jogadores. Vamos usar bem esse tempo", avaliou.
Para Carille, por sinal, o fato de perder pontos dentro de casa para a Chape, que não deve ser uma postulante ao título, não pode ser tachado como decisivo em uma campanha tão longa. Acostumado a dizer que sempre pensa "jogo a jogo", ele disse que não pré-determinou que resultados deve ter contra os adversários.
"Precisava vencer, mas não de qualquer forma. Eu vejo jogo a jogo. Eu lembro que, em 2011, a gente perdeu para o América-MG, quase rebaixado. Não é assim que se joga, pensando que esse jogo a gente pode perder, aquele tem que ganhar. Não dá para trabalhar assim, tem que pensar em ganhar todos os jogos", explicou.
Com dois compromissos longe de Itaquera nas duas próximas rodadas, contra Vitória, no próximo domingo, no Barradão, e frente ao Atlético-GO, na outra semana, no Serra Dourada, Carille acredita que o planejamento tem totais condições de ser cumprido apesar do tropeço na estreia.
"Independentemente do que falarem os outros, a gente vai continuar do mesmo jeito, podem ter certeza que o empenho vai existir. A busca é de estar entre os seis, estar embolado, sempre ali no grupo da frente. Precisamos estar juntos para buscar esse título", concluiu.




Espalhe essa notícia
|
0 Comentários Comentários
Comentar Comentar
LR1 Siga-nos no Siga-nos no Twitter Faça Parte da Comunidade Lr 1 no Faça Parte da Comunidade Lr 1 no Orkut SRC na WEB   |   Anuncie no Lr 1   |   Fale com o Lr 1   |   Privacidade   |   Faça do Lr 1 a sua página inicial WTC Brasil Todos os direitos reservados - 2010 Jornal O Liberal Regional