LR1
O que você
busca?
BUSCAR
Esportes
postado em 8/02/2017 às 10h00min

Renovado patrocínio de R$ 70 milhões no ano

Acerto com financeira sai dias antes de eleição no clube; Alejandro Guerra está regularizado e já pode jogar
Da Redação - São Paulo
Tamanho da
Letra
Diminuir Letra Aumentar Letra
Alejandro Guerra, já regularizado, ficará com a última vaga do Verdão no Paulistão (Foto: Sergio Greco/Agencia Palmeiras)

O Palmeiras confirmou na tarde de ontem a renovação do contrato com as patrocinadoras Crefisa/FAM. O clube marcou uma entrevista coletiva para às 12h desta quarta-feira, na Academia de Futebol, para fazer o anúncio oficial. O novo vínculo terá a duração de duas temporadas e renderá mais de R$ 70 milhões anuais para o Palmeiras. Os salários do atacante Lucas Barrios (R$ 1 milhão mensal) também continuarão a ser pagos pelas patrocinadoras.

À parte da renovação contratual, a Crefisa/FAM liberaram pouco mais de R$ 30 milhões para o Palmeiras comprar os direitos de Alejandro Guerra, Fabiano e de 50% do atacante Dudu. Há a expectativa de que o atacante Borja seja contratado com o dinheiro das parceiras. A transação beira os 11 milhões de dólares (R$ 34 milhões). Anteriormente, a Crefisa/FAM investiam R$ 66 milhões anuais no futebol do Palmeiras e mais R$ 12 milhões para cobrir os gastos com Barrios.

A renovação do patrocínio foi acertada poucos dias antes da eleição para o Conselho Deliberativo do clube. Os propriterários das parceiras, José Roberto Lamacchia e Leila Pereira, concorrem pela chapa "Palmeiras Forte", liderada pelo ex-presidente Mustafá Contursi. Como a eleição é realizada em sistema proporcional, Mustafá espera que o casal puxe votos para eleger outros correligionários do grupo "Palmeiras Forte". A candidatura de Leila Pereira, contestada pelo ex-presidente Paulo Nobre, provocou o afastamento entre o mandatário Maurício Galiotte e seu antecessor. A tendência é que a atual gestão chancele a participação da executiva nas eleições, marcadas para 11 de fevereiro.

GUERRA

Uma das principais contratações do Palmeiras para a temporada de 2017, o meia Alejandro Guerra pode finalmente estrear no confronto com o Ituano, marcado para o próximo domingo, uma vez que já foi devidamente inscrito no Campeonato Paulista. Como o venezuelano ainda dependia de pendências burocráticas para regularizar sua situação, o Palmeiras a princípio enviou uma lista com apenas 27 inscritos no torneio estadual. A última vaga, reservada para Alejandro Guerra, já foi oficialmente preenchida.

Premiado como melhor jogador da última Copa Libertadores pelo Atlético Nacional, o meia tem contrato com o Palmeiras até o final de 2019. O meio-campista de 31 anos já vinha treinando sob o comando do técnico Eduardo Baptista e foi apresentado na semana passada. Guerra prefere jogar como meia centralizado, mas também é capaz de atuar pelas beiradas e até como falso 9. Durante suas primeiras partidas pelo Palmeiras, a tendência é que o atleta seja aproveitado por Eduardo Baptista na posição em que se sente mais cômodo.

Espalhe essa notícia
|
0 Comentários Comentários
Comentar Comentar
LR1 Siga-nos no Siga-nos no Twitter Faça Parte da Comunidade Lr 1 no Faça Parte da Comunidade Lr 1 no Orkut SRC na WEB   |   Anuncie no Lr 1   |   Fale com o Lr 1   |   Privacidade   |   Faça do Lr 1 a sua página inicial WTC Brasil Todos os direitos reservados - 2010 Jornal O Liberal Regional