LR1
O que você
busca?
BUSCAR
Nossa Cidade
postado em 17/02/2017 às 09h08min

Antes de abrir licitação, Dilador viaja em ônibus coletivo para conhecer realidade

Da Redação - Araçatuba
Tamanho da
Letra
Diminuir Letra Aumentar Letra
Dilador embarcou no Água Branca e conversou com passageiros durante trajeto (Foto: Divulgação)

O prefeito de Araçatuba Dilador Borges foi conferir o transporte público da cidade na madrugada desta quinta-feira (16). Antes das 6 hora ele já estava na periferia para ouvir os usuários. E para conhecer a realidade deles, fez o trajeto do bairro Água Branca até o Terminal central. A ação foi desencadeada devido a constantes reclamações dos moradores do bairro Água Branca com relação ao atraso nos horários, à falta de pontos cobertos, lotação, às freadas bruscas realizadas pelos motoristas, além de eventuais problemas de ônibus quebrarem durante o trajeto. Dilador disse que em breve vai abrir processo licitatório e que pretende estabelecer regras para beneficiar os usuários.

Atento às reclamações, Dilador decidiu ir à casa da moradora do Água Branca, Maria de Fátima de Sousa, que reclamou do serviço oferecido pela TUA (Transportes Urbano Araçatuba) e acompanhá-la na rotina diária. A visita foi surpresa. Ele solicitou, na terça-feira (14), que sua assessoria entrasse em contato com Fátima, como se fosse apenas ouvir as reclamações e pediu para pegar seu endereço.

A rotina da copeira inicia-se às 6h, quando sai de casa para pegar o ônibus e ir para o trabalho, no Bairro Nova Iorque.
"Dilador, meu trabalho fica do outro lado da cidade. Antes o ônibus parava no ponto que fica a uma rua de casa, mas agora, para três ruas acima. O senhor vê que ainda está escuro e o risco de assalto é constante, sem contar os atrasos, o que me faz chegar atrasada quase sempre no serviço. Precisa melhorar esse serviço para nós".

O prefeito, ao chegar no ponto de ônibus, verificou o atraso no roteiro. Ao entrar no ônibus, os moradores pareciam desacreditar na presença de Dilador, mas não se inibiram em falar das dificuldades enfrentadas.

A munícipe Rivani Souza estava com uma bebezinha no colo e, além da falar da dificuldade com o transporte, demonstrou tristeza ao comentar que não consegue vaga para a filha em creches próximas a sua casa. "Tenho que deixar ela em outro bairro e depois ir trabalhar. Quando o ônibus atrasa, meu dia fica perdido. Essas são duas coisas que precisam melhorar rapidamente."

Dilador explicou aos passageiros que precisava conferir de perto os problemas vividos por eles. "Vejo que a questão da segurança não pode ser desconsiderada. Câmeras nos ônibus ajudam a inibir ações dos bandidos, os pontos cobertos são necessários. Também precisamos modernizar através de aplicativos para celular que possibilite que vocês vejam a localização dos ônibus."

O atraso nos horários e as mudanças constantes dos pontos foi o que mais incomodou o prefeito. "A TUA precisa evitar esses problemas, pois o atraso acarreta em prejuízo ao seu usuário. Essa melhoria pode e tem que ser feita já."

Ao retornar à prefeitura, Dilador disse que viu no olhar das pessoas o cansaço e a desesperança. "O araçatubense está desgastado, cansado de acreditar que algo vai mudar, pois nunca vê mudança. Fiz questão de acompanhar a rotina deles, porque em breve vamos fazer o processo de licitação e precisamos colocar regras que beneficiem o usuário. Quero muito mudar esta realidade vivida por eles e dar qualidade de vida aos usuários do transporte público.

Espalhe essa notícia
|
0 Comentários Comentários
Comentar Comentar
LR1 Siga-nos no Siga-nos no Twitter Faça Parte da Comunidade Lr 1 no Faça Parte da Comunidade Lr 1 no Orkut SRC na WEB   |   Anuncie no Lr 1   |   Fale com o Lr 1   |   Privacidade   |   Faça do Lr 1 a sua página inicial WTC Brasil Todos os direitos reservados - 2010 Jornal O Liberal Regional