LR1
O que você
busca?
BUSCAR
Nossa Cidade
postado em 14/07/2016 às 09h07min

Comerciante bate em traseira de caminhão e morre na hora

Gilberto Cassiano deixa esposa e dois filhos; ele foi enterrado ontem no cemitério de Guararapes
DA REDAÇÃO, KAIO ESTEVES - ARAÇATUBA
Tamanho da
Letra
Diminuir Letra Aumentar Letra
SBT INTERIOR
Comerciante pode ter dormido antes de morrer em acidente

O comerciante Gilberto Cassiano, de 40 anos, foi velado e enterrado ontem (13) em Guararapes, onde ele morava com a família e dois filhos. O enterro aconteceu por volta de 17 horas. Cassiano morreu no fim da madrugada desta quarta-feira depois atingir a traseira de um caminhão de frete com a motocicleta que dirigia, uma JTA Suzuki de 750 cilindradas.

O acidente aconteceu no quilômetro 532 da rodovia Marechal Rondon (SP-300), no perímetro urbano de Araçatuba, no sentido Araçatuba a Guararapes. Com o choque, a motocicleta foi parar embaixo do caminhão e ficou 'encaixada' no veículo. O homem morreu na hora. Parte da massa encefálica do comerciante ficou espalhada na pista.

A princípio, a Polícia Rodoviária acredita que Cassiano tenha dormido enquanto conduzia a moto, já que não haviam marcas de frenagem na pista. O limite de velocidade no trecho é de 80 km/h. Ainda não é possível saber qual era a velocidade do comerciante na hora da batida. Apesar da informação ser preliminar, somente o laudo, que deve sair em até 30 dias, vai apontar as causas reais do acidente.

INTERDIÇÃO
Todo o trecho da pista no sentido interior da SP-300 precisou ser interditado para a retirada do corpo. Motoristas e motociclistas chegaram a passar pelo acostamento do local com a autorização dos policiais rodoviários. Enquanto a polícia trabalhava, um outro leve acidente aconteceu do lado oposto da pista. Um outro motociclista atingiu a traseira de um carro enquanto olhava para o acidente fatal. Ele chegou a cair no chão, mas não sofreu ferimentos e seguiu viagem.

A pista só foi liberada totalmente por volta de 9 horas, cinco horas depois do acidente. O corpo do comerciante foi removido e levado ao IML (Instituto Médico Legal), onde passou por exame necroscópico antes de ser liberado para velório e enterro.

LUTO
Nas redes sociais, amigos de Cassiano se emocionaram e prestaram homenagens. "Estou nesse momento sem palavras, em choque. Uma sensação de perda horrível e uma sensação de impotência. Grande amigo, grande acolhedor, pessoa essa que fez parte de nossa vida quase inteira. Amigo, irmão, padrinho. Não sabemos o que dizer diante de tamanha tragédia, só peço a Deus que descanse em paz e que conforte o coração de sua familia e de todos nos seus amigos", disse uma amiga do comerciante.

Apaixonado por motos e dono de uma loja de móveis em Guararapes, Cassiano exibia imagens em cima de motocicletas de altas cilindradas. Ele deixa a esposa e dois filhos pequenos.
 

Espalhe essa notícia
|
0 Comentários Comentários
Comentar Comentar
LR1 Siga-nos no Siga-nos no Twitter Faça Parte da Comunidade Lr 1 no Faça Parte da Comunidade Lr 1 no Orkut SRC na WEB   |   Anuncie no Lr 1   |   Fale com o Lr 1   |   Privacidade   |   Faça do Lr 1 a sua página inicial WTC Brasil Todos os direitos reservados - 2010 Jornal O Liberal Regional